Destaque

17/02/2021

Demarcação de pontos de referência e coleta de amostras de vegetação na BHP III

Annete Bonnet 1, Gustavo Ribas Curcio1, Maurício Kacharouski2, Andrey Luan Petry2, Marlon Antonio Debrino2, Leonardo Miranda Feriani3, Dalila Peres de Oliveira3

 

 

Com a última campanha efetuada em janeiro de 2021 pelas equipes do PronaSolos PR, foi concluída a fase de coleta de informações obtidas em nível de campo sobre a vegetação protetiva de rios e nascentes, tanto na Bacia Hidrográfica Paraná III como em parte da Bacia Hidrográfica do Piquiri.

Assim, ao longo destes dois anos e meio de projeto, além das informações fitossociológicas, classificação taxonômica de arbóreas/epífitos e respectivas coletas de material botânico, conseguiram-se dados relativos a ocupação das espécies arbóreas por tipo de solos e seus regimes hídricos, estado de conservação das unidades vegetais, detecção e intensidade de funcionalidades ecológicas da floresta etc.

Para isto, foram feitas pesquisas em parcelas fitossociológicas em 380 pontos amostrais, sempre ao final de pedossequências amostrais de solos (Figura 1), sendo 225 pontos em margens de rios e 135 pontos em nascentes.

Figura 1 – Pontos amostrais de informações fitossociológicas na BHP III e parte da Bacia Hidrográfica do Piquiri.
Figura 1 – Pontos amostrais de informações fitossociológicas na BHP III e parte da Bacia Hidrográfica do Piquiri.

 

Os resultados estão sendo processados em escritório para a confecção de relatórios e mapas de vegetação protetiva de rios e nascentes, tais como consta na Figura 2.

Figura 2 – Mapa de vegetação protetiva de rios e nascentes – Carta C3, folha NE, Subplanalto Cascavel – BHP III.
Figura 2 – Mapa de vegetação protetiva de rios e nascentes – Carta C3, folha NE, Subplanalto Cascavel – BHP III.

 

Os mapas de vegetação protetiva de rios e nascentes estão sendo feitos em escala de levantamento 1:10.000, apresentação 1:16.500, contribuindo efetivamente para um maior grau de conhecimento sobre o estado de conservação das florestas fluviais, assim como das florestas que circundam as nascentes.

É intenção da equipe do PronaSolos PR e seus patrocinadores, de que os mencionados documentos possam implementar ainda mais o grau de conhecimento e conscientização dos produtores rurais em relação aos benefícios que a floresta fluvial - elementos/processos - proporcionam ao ambiente.

 

1 – Pesquisadora da Embrapa Florestas – annete.bonnet@embrapa.br

1 – Pesquisador da Embrapa Florestas – gustavo.curcio@embrapa.br

2 – Técnico da Fapeagro – mauriciokacharouski@bol.com.br

2 – Técnico da Fapeagro – andrei_luan_petry@hotmail.com

2 – Técnico da Fapeagro – marlon_debrino@hotmail.com

3 – Bolsista da Sec. Ciên. Tec. Pr – leonardo.feriani@hotmail.com

3 – Bolsista da Sec. Ciên. Tec. Pr – dalilap_oliveira@outlook.com

 

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.